fev 9 2015

LibreOffice Calc – Classificação

Esta funcionalidade é utilizada para ordenar os dados da planilha com base na informação de uma ou mais colunas, extremamente útil para facilitar a análise dos dados ou apresentação do resultado. A utilização é simples.

Captura de Tela 2015-02-01 às 14.09.47

Imagem 01 – Atalho Classificação

Há duas formas de fazer, a forma mais simples e imediata é acessar os botões do menu, são duas opções: a ordenação crescente e decrescente. Primeiro selecione uma das colunas, depois clique no tipo de classificação desejada. Pronto, os dados serão imediatamente ordenados.

Imagem 1 - Menu Classificação

Imagem 02 – Menu Classificação

A segunda forma é através do acesso pelo menu Dados – Classificação. Será exibida um menu com recursos mais avançado de classificação. É possível fazer a ordenação utilizando várias colunas com níveis diferentes e marcar algumas opções adicionais. Segue um breve passo a passo:

O primeiro passo é selecionar o intervalo de dados que será ordenado. Geralmente seleciono toda a tabela para manter a consistência da informação, mas caso seja necessário é possível ordenar apenas uma coluna. Acesse o menu, na opção Dados – Classificação para definir os critérios de classificação desejado.

Caso tenha esquecido de efetuar a seleção, não tem problema, o Calc exibirá uma mensagem sinalizando que não foi selecionada todas células da tabela e será dada a opção de Estender a seleção, manter a seleção ou cancelar.

Imagem 02 - Menu Classificação

Imagem 03 – Menu Classificação

Imagem 03 - Mensagem Alerta

Imagem 04 – Mensagem Alerta

Será exibido um menu que conterá duas abas para definir os parâmetros de ordenação:

Aba de Critério de Ordenação: nesta aba é possível definir três níveis de ordenação, ou seja, é possível selecionar várias colunas e classificar os dados seguindo a ordem das chaves. Na imagem 4 estabeleci três chaves todas com a opção de ordenamento crescente – caso deseje é possível alterar para decrescente, como resultado serão apresentados os dados de forma ordenada com base na primeira chave, se houve dados coincidentes, será ordenado com base na segunda chave e sucessivamente.

Captura de Tela 2015-02-01 às 12.46.57

Imagem 05 – Aba Critério de Ordenação

Na aba de opções é possível adicionar alguns critérios adicionais à classificação, as opções são:

  • Diferenciar maiúscula de minúscula na classificação;

  • O intervalo contém rótulos de coluna – se não for marcado a primeira linha (ou coluna) também será ordenada. Por padrão fica pré marcado.

  • Incluir formatos – preservar o formato atual das células, por padrão também fica selecionada.

  • Ativar classificação natural – Esta função é para ordenar corretamente uma sequência do tipo A1, A2, A3, …, A10, A11, …, A20, A21. Por padrão a ordenação é feita verificando o primeiro caractere logo todos que começam com A, depois verifica o segundo caractere e terceiro ficando assim: A1, A10, A11, A2, A20 e etc. Com a flag ativa a ordenação fica mais natural desta forma: A1, A2, A3, …, A10, A11, …, A20, A21.

  • Copiar resultados da classificação para: permite copiar a seleção para outro local pré-definido. Para usar esta função, antes de classificar os dados, acesse a opção Dados – Definir Intervalo, insira um nome para o intervalo, selecione o intervalo em si e depois clique na opção Adicionar. Ao voltar para o menu de classificação, será possível ver o nome do intervalo criado na relação abaixo da flag e ao clicar Ok os dados serão colados para lá.

Imagem 05 - Intervalo de Dados

Imagem 06 – Intervalo de Dados

Imagem 06 - Copiar Intervalo

Imagem 07 – Copiar Intervalo

  • Ordem de classificação personalizada – É a possibilidade de criar uma lista personalizada de ordenação, como os modelos personalizados que já existe de dia da semana e mês. É possível inserir mais modelos personalizados acessando o menu LibreOffice – Preferência – LibreOffice Calc – Listas de Classificação, clique na opção Nova para inserir uma nova relação e depois em Adicionar.

Imagem 07 - Classificação Personalizada

Imagem 08 – Classificação Personalizada

Imagem

Imagem 09 – Personalização Classificação

  • Idioma – selecionar o idioma específico para ordenação.

  • Direção – Este acredito ser o mais diferente, a direção em como o deverá ser feita a classificação. Normalmente classificamos de cima para baixo, esta é a opção padrão, mas também pode ser feito da esquerda para direita.

 

fev 2 2015

LibreOffice – Validação

Esta ideia surgiu de uma pergunta que Gui fez e percebi que nunca escrevi sobre o assunto por aqui! O nome da função é autoexplicativo, mas para esclarecer Validação é um recurso para assegurar o preenchimento correto de uma célula, por exemplo, no caso de uma relação de dados para ser preenchido por terceiros, haverá campos que só deverá conter apenas datas, valores limitados ou dados de uma lista específica. É extremamente útil, reduz o número de erros no preenchimento e economiza (muito!) tempo.

De uma forma resumida, a funcionalidade possibilita efetuar a validação de campos para limitar e conter apenas números inteiros, decimais, datas, horas, intervalo de células, lista de valores ou ao comprimento do texto. Uma vez inclusa as regras de validação é possível inserir ajuda para entrada de dados ou exibição de uma alerta de erro personalizado. Vamos a explicação mais detalhada!

Para iniciar a inclusão da funcionalidade acesse o menu Dados e a opção Validação. Por definição, sempre que se cria uma planilha a opção “todos os valores” fica selecionado, para inserir restrição de valores através da validação, mudamos a opção inicial de permissão do conteúdo a ser inserido na célula. Para iniciar, selecione uma das opções desejadas no campo “Permitir”.

01_AcessoValidacao

01 Acesso a Funcionalidade

2_Opções de Validacao

02 Opções de Validação

GUIA CRITÉRIOS

Números inteiros / Decimal / Data / Hora

Estas quatro opções limitam o formato do dado a ser inserido, ou seja, se tentar inserir qualquer informação fora do formato será exibido uma mensagem de erro. Uma vez selecionada a opção, será possível delimitar algumas regras adicionais:

Flag “permissão de células em branco” – selecionando esta opção, ao clicar na célula com critério de validação é possível deixar o valor vazio, mas caso não seja marcada, uma vez clicando na célula não é permitido deixar a célula em branco, será acusado erro. Indico deixar esta opção marcada, não é muito funcional para o usuário ficar recebendo mensagem de erro o tempo todo, pois o mesmo pode selecionar a célula por acidente.

Captura de Tela 2015-01-24 às 14.39.52

03 Opções de Regras

Dados – este campo possibilita delimitar os valores através de critérios pré definidos. Acredito que os textos são autos explicativos, por exemplo, “igual” define que só será válido valor que for igual ao especificado no campo “Valor”, similar a opção “Intervalo Válido” que delimita a um intervalo especificado em “mínimo” ou “máximo” e assim sucessivamente.

Captura de Tela 2015-01-24 às 14.58.03

04 Opções de Dados

 

Captura de Tela 2015-01-24 às 15.13.44

05 Erro quando tenta inserir valor inválido

Intervalo de células

Esta é a minha favorita, é possível delimitar os valores a ser inserido de uma lista que pode está em qualquer parte da planilha, por exemplo: relação municípios, gênero, escolaridade e etc. Ao selecionar a opção intervalo de células, selecione a origem (clique no botão ao lado direito), vá a planilha para selecionar os valores a serem exibidos e confirme. Quando acessar a célula haverá um botão do lado direito que exibirá a relação de opções válidas para o usuário selecionar. Prático né?

06 Intervalo de Dados

06 Intervalo de Dados

07 Detalhes Seleção Origem

06 Detalhes Seleção Origem

08 Selecionando Intervalo

07 Selecionando Intervalo

Aqui também há algumas opções de regras adicionais, uma já citadas é de permitir células em branco as outras são:

Mostrar lista de seleção – A exibição dos valores válidos em caixa de rolagem é opcional. Para não exibir desmarque esta opção. Por default já vem marcada.

Ordenar entradas em ordem crescente – Significa que a lista poderá ser ordenada em ordem crescente, facilitando localizar a informação.

Uma informação adicional importante: uma vez inserida a opção de validação por intervalo de célula, o usuário ao começar digitar uma das opções, o Excel completará a informação automaticamente (como aquela funcionalidade de autopreenchimento!). Bem prático.

Captura de Tela 2015-01-24 às 15.25.33

08 Autopreenchimento

Lista de Valores

Esta opção é similar a anterior, mas em vez de selecionar as opções de uma lista em um intervalo de células, aqui a relação será digitada na caixa “Entradas”. Todas as opções de regras especificadas anteriormente também é válida nesta opção.

11 Lista de Valores

09 Lista de Valores

Comprimento do texto

Esta opção é para especificar o comprimento do texto a ser exibido, ou seja, ao digitar valor 6, só poderá ser inclusos textos de 6 caracteres, mais do que isso será dado o alerta de erro. As regras adicionais são as mesmas da opção Números inteiros / Decimal / Data / Hora, com a opção de seleção de Dados e especificação do valor.

11 Comprimento do Texto

10 Comprimento do Texto

GUIA “AJUDA PARA ENTRADA DE DADOS”

A opção de ajuda é opcional, para funcionar deve ser selecionada a opção “Mostrar ajuda da entrada quando a célula for selecionada”. Preencha os dados de título e o texto explicativo no camp Ajuda da Entrada. Quando o usuário clicar na célula será exibido uma caixa com informações de ajuda digitada.

12 Ajuda para Entrada de dados

11 Ajuda para Entrada de dados

13 Detalhe

12 Detalhe

GUIA “ALERTA DE ERROS”

Por default será exibido a mensagem padrão das imagens anteriores. Se clicar na opção “Mostrar ajuda da entrada quando a célula for selecionada” e desmarcar, a mensagem de erro não será mais exibida.

É possível cadastrar quatro tipos de mensagens de erro:

  • Erro: Ao cometer o erro, exibi a mensagem padrão ou personalizada e não permite alteração nos dados da célula.

14 Alerta de Erro

13 Alerta de Erro – Parar

  • Atenção: Ao cometer o erro o sistema apresenta a mensagem com duas opções Ok, indicando que o usuário cometeu o erro mas, mesmo assim vai continuar ou Cancelar, onde a alteração não é efetuada e volta a informação anterior.

Captura de Tela 2015-01-24 às 17.18.22

14 Alerta de Erro – Atenção

18 Detalhe msg erro - Atenção

15 Detalhe msg erro – Atenção

  • Informação: Igual à funcionalidade de atenção, mas o que muda é o foco da mensagem. Na de atenção o foco da mensagem está no botão Cancelar, em Informação o foco é Ok.

Captura de Tela 2015-01-24 às 17.25.19

16 Alerta de Erro – Informação

19 Detalhe Erro Informação

17 Detalhe Erro Informação

 

  • Macro: Esta opção chama uma macro, um código com sequência de comandos.

Captura de Tela 2015-01-24 às 17.57.55

18 Alerta Erro – macro

Captura de Tela 2015-01-24 às 17.58.31

19 Detalhe Macro

 

Relembrando par aplicar a validação é necessário selecionar todos os campos e inserir a formatação. Nos exemplos descritos do post utilizei uma planilha baixada no site do IBGE, deixarei a planilha criada como exemplo.

Exemplo_Validacao.ods

jan 26 2015

Planos para 2015

Sumi por mais de um mês, mas estou de volta e tentando me re-organizar para retomar as postagens, de preferência com regularidade. Inicialmente estou pensando em retomar posts sobre o LibreOffice e novas tecnologias, posteriormente pretendo incrementar com postagens variadas sobre informática, administração e outros assuntos profissionais interessantes.

Recentemente iniciei uma pós-graduação EAD em Engenharia de Sistema, a ideia foi conhecer a metodologia de ensino a distância e aproveitar para reciclar o meu conhecimento na área de informática. Pretendo postar um pouco da experiência do estudo online, dos assuntos legais aprendidos e, eventualmente, alguns artigos.

Em paralelo a pós, estou pensando em fazer um curso para programar em Java e retomar algumas ideias de sistemas que estão paradas. Estou pensando em tornar um desses sistemas o meu tema do TCC. É um pouco ambicioso, mas o prazo é extenso – meados de 2016, e me dará ótimas ideias de post para enriquecer o blog. Vamos ver como as atividades vão se desenrolar, a medida que as novidades forem surgindo postarei por aqui. Espero conseguir escrever um post por semana, esta é a meta deste ano.

O post está um pouco atrasado, mas desejo a todos um ótimo ano novo, bem produtivo e que novas tecnologias surjam para facilitar nosso dia e dia e disponibilizar mais tempo para lazer e estudos! ;)

frase-do-dia-01_01_Fotor

nov 17 2014

Aplicativos para Organização (Parte 3)

Vamos ao terceiro post da série sobre os aplicativos que utilizo no dia a dia! Recapitulando, a proposta desta série é relacionar os meus apps favoritos, fazer uma pequena avaliação e fornecer dicas. No primeiro post descrevi aqueles classificados como “lazer”, no segundo os que utilizo para programação, elaborei um intermediário sobre ferramenta de capturas e agora irei comentar os relacionados a organização das minhas atividades profissionais e pessoais.

Há um tempo escrevi o post Trabalhando com Efetividade para comentar sobre a minha metodologia de organização. Como havia citado, eu mantenho uma metodologia separada para as atividades relacionadas ao trabalho e para as atividades relacionadas aos projetos pessoais. Os aplicativos adotados também são diferentes, no trabalho, em consequência da política de segurança, fico restrita a utilizar os softwares comerciais com licenças adquiridas pela empresa. Na vida pessoal prefiro optar por soluções que proporcione maior mobilidade.

No meu dia a dia profissional utilizo muito as ferramentas do pacote Office 2007, em especial o Microsoft Outlook por conta dos e-mails. Após explorar a ferramenta e os seus recursos, passei a adota-lá para organizar todas as minhas atividades e ela se tornou uma dos meus aplicativos favoritos por ser bem completo. O outlook é um aplicativo separado por módulos, os principais são email, calendário (agenda) e o organizador de tarefas.

Como usuária da metodologia GTD (mais detalhe no post Trabalhando com Efetividade), utilizo como caixa de entrada a própria caixa de entrada do email e o meu caderno, concentrando neles todas as atividades que surgem no meu dia a dia. Ao processar as atividades e organiza-las, separo colocando os compromissos programados na agenda e as atividades a fazer no módulo de tarefas. Todas essas tarefas são separadas por assunto utilizando a funcionalidade Categoria, classifico também por Status (Iniciada, não iniciada, com terceiros e etc) e por Prioridade (baixa, normal e alta). Os emails, após organizados, são arquivados em pasta especificadas para facilitar a consulta rápida em caso de necessidade. Posteriormente, estou pensando em escrever um post exclusivo sobre o Outlook, a ferramenta é ótima e flexível, você pode se organizar de diversas formas, adaptando a sua necessidade.

Além da flexibilidade de organização, no outlook há vários recursos como: envio de convite de reuniões – ao aceitar automaticamente o compromisso é incluso na agenda de todos os participantes, inserir recorrência nas atividades de rotina (amo!! <3), lembretes, vários modos de exibição das tarefas e calendário que possibilita ver todos os afazeres do dia estruturado na tela de forma rápida e objetiva, e outros recursos. Vale citar a possibilidade de integração com o OneNote – bloco de anotações para gerenciar informações variadas, uma espécie de caderno digital com vários recursos. Excelente para quem utiliza o recurso Mobile do Office (não é o meu caso :( ).

Outlook

Outlook

Para organização dos projetos pessoais, não relacionados ao trabalho, procuro adotar a metodologia mais simples possível e com o menor número de aplicativos. Desta forma, consigo manter o foco na execução da atividade, sem perder muito tempo no processo de organização. Utilizo o Gmail como gerenciador de e-mail e agenda, o Evernote para organizar as as tarefas e centralizar todos os dados e informações que preciso acessar de forma rápida e o DropBox como sistema de arquivamento.

  • Sou usuária do Google há anos e sou fã da simplicidade e clareza dos seus aplicativos. A agenda possui ótimos recursos que auxiliam na organização, os meus favoritos são:
  • Criações de agendas especificas, onde cada agenda pode receber uma cor diferente para facilitar a visualização. Hoje tenho 3 agendas; uma padrão com os meus compromissos, a agenda de aniversários dos meus contatos – gerenciado pelo Google, uma agenda de aniversário do Facebook.
  • Compartilhamento de agenda: as agendas podem ser compartilhadas com outro usuário, possibilitando a visualização dos compromissos, facilitando a organização das atividades e evitando conflitos de datas.
  • Agendas coloridas. Pode ser atribuida para cada agenda uma cor diferente facilitando a visualição dos compromissos.

O Evernote é um aplicativo de gerenciador de notas bastante versátil e fléxivel. O sistema pode ser utilizado para várias coisas e de diversas formas – organizar viagens, anotações de aula, de trabalho, centralizar informações de revistas ou sites e etc. Toda a organização é realizada através da criação de cadernos e etiquetas. A forma como os dados será utilizado ou estruturado depende de cada usuário, para quem tem interesse em conhecer a ferramenta com mais detalhes visite a página do Vladimir Campos e da Thaís Godinho, lá há excelente dicas de como utilizar e organizar o aplicativo. Alguns recursos do Evernote que adoro: lembretes, compartilhamento dos cadernos, atalhos, estruturação de etiqueta e caderno em hirarquia – é possivel criar um bloco de caderno e agrupar etiquetas, e para quem usa a versão paga, a possibilidade de tornar o caderno acessivel Offline. Outro aplicativo que adoro e indico. <3

Tanto o gmail, a agenda do Google e Evernote possuem aplciativos mobile que possibilita sincronizar todas as informações e acessa-lás de qualquer lugar. Além disso há os Widgets do celulares que torna a visualização das tarefas e compromissos fáceis muito mais rápida e fácil de consultar. Todos os aplicativos citados, ficam mais fáceis de utilizar quando se adota algum tipo de metodologia de organização, então fica a dica: antes de adotar um aplicativo, procure uma forma de se organizar e criar uma forma de organização que seja fácil de manter. Espero que tenha gostado! Até a próxima.

nov 7 2014

Aplicativos para Captura de Tela (Parte 2.5)

Estou empolgada com a série de post sobre aplicativos mais utilizados, então resolvi escrever um post específico sobre aplicativo para captura de tela. Esta atividade é bem recorrente no meu dia a dia, costumo efetuar captura de telas para inserir em documentos profissionais, como relatório de evidências, ilustrar os posts e outros documentos pessoais ou acadêmicos, por conta disso, seleciono com cuidado bons aplicativos que facilite o trabalho. Irei citar os meus favoritos em cada sistema operacional que utilizei – Ubuntu, Windows e OS X.UbuntuDurante o tempo que utilizei o ubuntu eu adorava o KSnapShot, simples e eficiente, atendia a minha necessidade por possibilitar a seleção da área para capturar a imagem. O aplicativo também oferece outras opções de tela cheia, encaminhar a tela para um programa específica ou simplesmente copiar.

KSnapShot

KSnapShot

 

Windows

Sem dúvida o melhor que já usei,  é o próprio aplicativo padrão do Windows, o Ferramenta de Captura. Além do recurso de selecionar uma área especifica para capturada, a ferramenta oferece a opção de incluir marcações na imagem, como uma marcação com caneta ou marca texto. Extremamente útil para que montando um documento de evidência, por exemplo. Após a captura é possível copiar a imagem (com alteração) ou salvar.

Local do Aplicativo - Windows.

Local do Aplicativo – Windows.

Tela do Aplicativo

Tela do Aplicativo

Opções de Seleção

Opções de Seleção

Seleção de uma área

Seleção de uma área

Ferramenta Caneta

Ferramenta Caneta

Ferramenta Marca Texto

Ferramenta Marca Texto

 

Mac

No Mac não utilizo ferramentas, o sistema oferece uma sequência de atalhos de captura que resolve o problema de forma rápida e eficaz, infelizmente não oferece as opções adicionais como marcação da imagem. Para facilitar o trabalho, utilizo os atalhos combinados com o DropBox, assim que o sistema captura a tela o arquivo é salvo na pasta do Dropbox e faz o upload, deixando salvo nas nuvens. Apesar dos poucos recurso tem atendido bem as minhas necessidades, a ponto de não precisar procurar outras opções. Na imagem abaixo tem os atalhos do sistema, para tem curiosidade de conhecer.

Tela Atalho Mac

Tela Atalho Mac

out 5 2014

Aplicativos para Desenvolvimento (Parte 2)

Neste segundo post da série sobre aplicativos favoritos, irei descrever sobre os aplicativos que utilizo para desenvolvimento de sistemas. Comecei a programar na faculdade e desenvolvi alguns projetos acadêmicos e outros para o local que trabalho. Parei de programar há um tempo por vários motivos, ultimamente por conta de um projeto que estou participando, que tem custado muito do meu tempo. Estou planejamento retomar o desenvolvimento de alguns projetos – antigas ideias, e pretendo, em breve, escrever alguns posts sobre este assunto e outro sobre o projeto do trabalho. Os aplicativos que irei citar são para várias linguagens, espero que ajuste ou goste.

Antes de iniciar qualquer trabalho gosto de planejar, especificar os requisitos e elaborar alguns diagramas básicos, seguindo este layout. Para criação do documento utilizo o LibreOffice e para elaboração dos diagramas utilizo o Astah Community, software para modelagem UML. De forma fácil a ferramenta possibilita a elaboração de diagrama de caso de uso, diagrama de classe e vários outros diagrama (fig. 2, 3 e 4). Vale ressaltar que esta ferramenta tem muitos anos no mercado, sendo bastante estável – já a utilizo a mais de 7 anos.

Astah

Fig 1 – Astah

Captura de tela 2014-10-05 14.59.26

Fig. 2 – Diagrama Classe de Uso

Fig. 3 - Diagrama de Classe

Fig. 3 – Diagrama de Classe

Fig. 4 - Diagrama de Seqüência

Fig. 4 – Diagrama de Seqüência

Para configuração do computador utilizo o MAMP (mac), um ambiente de desenvolvimento composto pelo Apache, MySQL, PHP e Perl. A instalação é simples, bastando seguir os passos descritos no site (na parte de download, ao lado direito do site). Esta é, sem dúvidas, uma das dicas mais valiosas que já recebi, facilitou muito o trabalho e reduzindo o tempo gasto para configurar e preparar o ambiente. Há versões especificas para Linux e o Windows que funciona da mesma forma. Não preciso comentar que o banco de dados que mais utilizo é o MySQL – já vem pronto! E a própria interface web para gerenciamento do banco. :D

Xampp

Fig. 5 – Xampp

Quando se trata de pequenas correções e ajustes no código ou no SQL, gosto de utilizar o Sublime Text 2 do Mac e Note 2 no Windows. Esses sistemas são basicamente bloco de notas avançado, com mais recursos e destaque do comandos, leve, prático e objetivo. Já no desenvolvimento em si utilizo o Netbeans (Mac, Windows e Linux), para ter acesso a recursos mais avançados e instalação de complementos e bibliotecas. Ao contrário da maioria dos aplicativos que utilizo, este sem dúvida é um dos mais pesados, mas realmente vale a pena.

NetBens

Fig. 6 – NetBens

Concluindo, ressalto que todos os aplicativos citados são gratuitos e podem ser baixados nos sites linkados acima. Como havia comentado, em breve pretendo retomar um antigo projeto, que tem como objetivo o desenvolvimento de um sistema pessoal, a medida que eu for evoluindo, irei publicar dicas e tutorais com mais detalhes sobre as ferramentas que irei utilizar. Em breve voltarei com terceiro post da série sobre aplicativos voltados organização. Até lá!

set 18 2014

Dica Rápida – Retirando Comentário de Páginas WordPress

Organizando meu novo blog me deparei com um pequeno problema, as páginas estáticas estavam apresentando espaço para comentários, o que não fazia muito sentido. Pesquisando na internet me deparei com duas dicas, a primeira informava duas opções de desmarcar: pelo menu Páginas, ao editar a página desmarcar a opção de comentário, e pelo menu Configurações / Discussão. Tentei e não encontrei nenhuma opção para retirar o documento. A segunda dica foi muito mais simples (encontrei aqui!), retirar o comando <?php comments_template(); ?> ou similar do modelo da página do template do WordPress. Fiquei feliz com a dica simples que resolveu o problema em 1 minuto, espero que gostem. ;)

Captura de tela 2014-09-18 20.19.53

Editando Tema

set 14 2014

Aplicativos para Lazer – Séries e Livros (Parte 1)

No mercado há uma grande variedade de aplicativos criados para nos ajudar no dia a dia, no meu caso, como uma autentica geek, esses softwares são fundamentais na organização das minhas atividades. Pensando sobre este assunto, decidi que seria uma boa ideia relacionar os meus favoritos, fazer uma pequena avaliação e fornecer dicas. Acredito que desta forma será possível auxiliar quem procura ferramentas para facilitar o desenvolvimento de diversas atividades. Como a quantidade é relativamente grande, o assunto será dividido em uma série de quatro posts agrupando os aplicativo por assunto – lazer, programação, organização e blog. Vamos lá?

Este primeiro post será a respeito dos aplicativos classificados como “lazer”, vinculado ao meus hobbies favoritos, sendo os principais: ler livros e assistir séries e filmes – inclusive estou relançado um blog específico para escrever sobre esses assuntos (o blog MillCoisas, visitem! ;) ). Os principais aplicativos que utilizo para leitura são: Calibre, Kindle, iBook e SaraivaReader, vale citar o Marvin e Comic para iPad e o Perfect View para Android. Para séries (ou filmes) utilizo o uTorrent, como usuária da Apple TV, formato os vídeos com o Smart Convert Pro 2 (pago), mas já utilizei o Smart Convert e Subler (gratuitos), também utilizo VLC de tempos em tempos. Vamos aos comentários :)

Aplicativo para leitura:

Eu tenho hábito de ler ebooks ou artigos no meu Kindle, Ipad ou até mesmo no celular, por isso considero importante organizar todos estes arquivos em uma pasta especifica, convertendo para o formato de arquivo adequado para o dispositivo que irei utilizar, para isso utilizo e adoro o Calibre. Com versões para Mac, Windows e Linux, o Calibre permite organizar os seus livros – incluir capa, nome do autor, título, coleção (séries) e etc., converter para diversos formatos e organizar os arquivos fisicamente de diversas formas (no meu caso uso o nome do autor). Para tornar a experiência ainda melhor, salvo a pasta com os livros no Dropbox, possibilitando acessar todos os meus livros de forma rápida e prática – fica a dica!

No caso dos leitores de livros virtuais, geralmente uso mais o Kindle por adquirir muitos livros na Amazon, no caso dos que adquiro na internet, prefiro usar o Marvin (Ipad). Considero muito importante que os aplicativos de leitura possuam as funcionalidades de marcar página, destacar texto, dicionário, formatar tamanho de fonte, alterar cor de fundo (e brilho) e possibilitar compartilhar trecho de leitura nas redes sociais. Neste ponto o Kindle cumpre bem o papel, já o Marvin ainda não consegui baixar o dicionário de português, mas demais funcionalidade realiza muito bem. Para leitura pelo Android, atualmente utilizo apenas o Kindle, mas sei que existem muitas outras opções.

Para quem gosta de ler HQ ou Grafic Novels, indico o Comic para ler pelo Ipad, este sem dúvida é o meu favorito, simples e fácil de manusear, os gráficos ficam bem legais de ver e a leitura se torna agradável. Gosto da simplicidade. Já li quadrinhos pelo meu celular (Note 2) e usava o aplicativo Perfect Viewer para Android, também muito bom. Hoje não leio e nem indico ler quadrinhos pelo celular  por conta do tamanho da tela (mesmo no note 2), prefiro utilizar o iPad.

Aplicativos para Filmes e Séries:

Nos caso dos filmes e séries para efetuar download uso o uTorrent, sem dúvida o melhor! Leve e fácil de usar, não ocupa espaço e atende todas as minhas expectativas. Já uso há muito tempo, desde que era usuária Linux, depois no Windows e agora no Mac. O mesmo ocorreu com o VLC, aplicativo para assistir vídeos. Também muito leve, sua principal vantagem é a capacidade de reconhecer diversos formatos de vídeos, substituindo a necessidade de instalações de plugins.

Outra forma de assistir filmes/séries que adoro é através da Apple TV, reprodutor de mídia digital, utilizado para streaming de mídia digita. Por ser um dispositivo da Apple, ele é integrado com o iTunes, sendo necessário converter a mídia para o formato suportado pelo equipamento (m4v). Para a conversão utilizo o SmartConvert que converter os diversos formatos e disponibiliza na biblioteca do iTunes. A versão gratuita é limitada a conversão, sem efetuar a inclusão de legenda, para isso eu utilizava o Subler que, além de embutir a legenda, inclui informações referente ao filme ou série (capa também!). O processo não é difícil, mas leva tempo. Primeiro é necessário efetuar a inclusão da legenda e informações adicionais pelo Subler e depois, já com os dados embutidos, efetuar a conversão no SmartConvert. Para tornar o processo mais fácil e prático, optei por comprar a versão paga que inclui todo o processo e é muito mais rápido.

Espero que tenham gostado deste primeiro post da série, estes programas ajudam a tornar a experiência mais agradável e prazerosa. No próximo post irei comentar sobre meus aplicativos favoritos para estudar desenvolvimento de software. Aguardem! :)

ago 17 2014

Mindomo – Aplicativo Android

Nos últimos dias tenho viajado bastante  e pensando em retomar alguns projetos como o blog, por exemplo. Para conseguir planejar melhor as mudanças futuras, conheci a ferramenta Mindomo para  Android. A ferramenta é utilizada para construção de mapas mentais – útil, bem elaborada e fácil de utilizar.

Além das funcionalidades básicas de inclusão de tópicos e sub-tópicos, a ferramenta permite  a inclusão de figuras do próprio aplicativo (figura 3), links e imagens capturadas pela câmera. Também é possível formatar fontes, cores e textos, além de compartilhar os mapas em PDF ou na própria extensão do aplicativo. É uma excelente ferramenta para quem quer ter uma fonte de rápido acesso, fácil de utilizar e de rápido acesso, fica como uma dica :) .

Desktop

Figura 1

2014-08-18 00.28.51

Figura 2

2014-08-18 01.14.20

Figura 3

jun 24 2014

Utilizando o MacBook – Plataforma OS X Maveric

Tem mais ou menos um ano que passei a utilizar um MacBook Pro, consequentemente, substituindo o sistema operacional Windows pelo OS X Maverick. Aguardei um pouco para poder compartilhar a experiência de utilizar um Mac, para poder experimentar e conhecer melhor as vantagens e desvantagens. Além do computador acabei comprando um iPad, atualmente utilizo um MacBook Pro (computador pessoal), meu iPad com teclado (muito bom por sinal), além disso, mantenho meu Kindle para minhas leituras e meu celular Samsung Note 2. Estou muito feliz com todos eles.

Focando um pouco mais no MacBook Pro, eu comprei um usado, mas muito bem cuidado. Foi uma ótima oportunidade financeira e, como Gui (guilhermejr) comentava sobre a qualidade de todo o sistema, estava muito interessada em conhecer e experimentar. Passei muitos anos utilizando o Linux, admiro bastante o trabalho da comunidade e de utilizar software livre, especialmente a liberdade de poder modificar e adaptar de acordo com minha vontade. Este foi o primeiro problema com o Mac, foi necessário instalar alguns programas adicionais como Spectacle para minimizar e maximar telas, outro ponto negativo são os preços dos aplicativos, para quem não pagava nada, foi e ainda é um problema (sempre reclamo).

O lado positivo e o que me faz querer continuar com meu Mac foi a qualidade, a Apple se preocupa com o menores detalhes, a experiência é ótima. O Linux também é ótimo, mas trabalhar com ele requer um certo conhecimento, ok admito que adorava isso, modificar, pesquisar, ajustar. Formatar de vez em quando e começar tudo de novo para conhecer novos sistemas operacionais (como as fotos abaixo:D), mas depois de um tempo era muito cansativo, chegou um momento que eu queria tudo simplesmente funcionando. Daí a ideia de experimentar o MacBook Pro e realmente foi assim. Nada de pesquisas, as coisas funcionam, não posso personalizar, mas funciona muito bem.

Captura de tela 2014-06-24 21.02.46

Em relação ao preço dos aplicativos, o BrOffice do Mac é muito bom e bem atualizado, instalei alguns do software livres que já conhecia e continuo pesquisando novos para utilizar e divulgar. Para outros softwares comecei a aceitar a ideia de que vale a pena pagar por algo que se realmente utiliza. Mantenho o VirtualBox para usar o Windons quando o trabalho demanda (não há Access para o Mac :-/), espero ter mais tempo no futuro próximo para continuar experimentando o Linux e acompanhado as novidades.

PS: Continuo indicando o sistema operacional Linux para todos os usuários, em especial empresas, acredito fortemente nas vantanges do sotware livre nas corporações, ele atende as necessidades e não há custo com licença. ;)